Os 4 pilares da força-tarefa Lava Jato e a cooperação internacional, por Deltan Dallagnol

Clique aqui e saiba mais sobre o 6º Congresso Internacional de Compliance, que acontece nos dias 8, 9 e 10 de maio, de 2018, em São Paulo.

Olá amigos,

Meu nome é Deltan Dallagnol.

Eu trabalho como Procurador da República, coordenador dos trabalhos da força-tarefa do caso Lava Jato, em Curitiba, no Paraná.

Eu estarei com vocês no 6º Congresso Internacional sobre Compliance conversando sobre cooperação internacional.

Vejam que a força-tarefa da Lava Jato avançou com um novo modelo de investigação calcado em quatro pilares, uma estratégia em fases, mais transparência, colaborações premiadas e, em especial, cooperação interna e internacional.

Nós estaremos conversando sobre essa dimensão da cooperação internacional e como os países hoje estão fechado as portas para a passagem da lavagem de dinheiro, para a passagem de dinheiro da corrupção.

Apenas na Lava Jato nós já fizemos aproximadamente 400 pedidos de cooperação, pedidos que foram enviados ou requerimentos que foram recebidos do exterior, relacionados a 50 países.

Será um prazer estar falando com vocês sobre este assunto.

Eu aguardo vocês lá.

Um grande abraço.

 

Inscreva-se no 6º Congresso Internacional de Compliance

1 Comment
  • Marlon Rodrigues

    5 de abril de 2018 at 15:12 Responder

    Boa tarde Dr. Deltan,

    Infelizmente não poderei estar em São Paulo nestas datas.

    Mas, aproveito este momento único para parabeniza-lo e a toda equipe pelo excelente trabalho a frente da Operação Lava-Jato.

    Informo ainda, que após todo esse tempo de operações/investigações, os frutos estão nascendo. Várias empresas estão criando seus Programas de Integridades inclusive a que eu trabalho, com a finalidade de alinhar para o bem todas as suas estruturas corporativas.

    Com isso vejo que vamos entregar um Brasil, um pouco mais humano para nossas novas gerações.

    Obrigado mais uma Vez.

    Marlon Rodrigues

Publicar um comentário